sex jul 12, 2024
sexta-feira, julho 12, 2024

Camarada Marga, até o socialismo sempre!

Hoje com muita dor nos despedimos da nossa querida camarada Marga. Marga entrou no partido como operária têxtil, em um dos momentos mais difíceis da nossa história, e nunca deixou de abraçar a causa revolucionária.

Militou primeiro clandestinamente, no glorioso PST, no qual foi amiga e companheira de Ana María Martinez. Mais tarde, com a abertura democrática, fez parte da fundação do MAS e organizou a abertura da primeira sede do partido, em Monte Chingolo.

Marga era uma dessas militantes predispostas, dura nas ideias, mas firme na ternura, sempre pronta a ajudar, solidária e leal.

Durante seus últimos anos, ela fez um esforço especial para lutar contra a impunidade no caso de Ana María Martinez.

E deu seu apoio incondicional de todas as formas possíveis ao partido na campanha contra a perseguição de Sebastián Romero e pela liberdade de Daniel Ruiz.

Hoje nos deixou uma das firmes, da velha guarda, que até as últimas visitas nos reafirmava que o partido havia sido a melhor coisa que aconteceu em sua vida e nos convenceu de que mesmo nas circunstâncias mais adversas devemos continuar lutando para construir a festa, porque é a única salvação para a humanidade.

Marga, hoje nos despedimos de você com dor, mas com a convicção de continuar com seu legado. Abraçamos nossos camaradas e toda família e amigos.

Compañera Marga, até o socialismo sempre!

PSTU 11/09/22

Confira nossos outros conteúdos

Artigos mais populares