qui fev 29, 2024
quinta-feira, fevereiro 29, 2024

LIT-QI lança página em ucraniano no seu site!

No aniversário de um ano da invasão da Ucrânia pelo exército de Putin, a Liga Internacional dos Trabalhadores (Quarta Internacional) lançou uma página em seu sítio na língua ucraniana.

A língua ucraniana será o sétimo idioma no sítio da LIT-QI ao lado do espanhol, inglês, português, francês, árabe e russo.

Os primeiros seis artigos discutem a guerra de Putin contra a Ucrânia e a situação da classe operária.

O primeiro artigo é o manifesto da LIT-QI que analisa os acontecimentos desde o início da invasão russa e que aponta a centralidade da classe operária ucraniana na luta pela libertação nacional e pela emancipação social.

O segundo artigo relata a greve dos mineiros em Novovolynsk, no oeste da Ucrânia, em setembro de 2022, contra a dilapidação do patrimônio público implementada pelo novo diretor nomeado pelo governo Zelensky.

O terceiro artigo trata da participação decisiva das mulheres na luta pela libertação nacional e pelos direitos trabalhistas e sociais.

O quarto artigo traz uma mensagem do presidente do sindicato de mineiros e metalúrgicos de Kryvyi Rih, Yuri Samoilov, de agradecimento à solidariedade internacional recebida e pedindo pela sua continuidade em meio aos ataques militares russos e ao inverno rigoroso.

O quinto artigo trata da conferência internacional da campanha de Ajuda Operária à Ucrânia realizada em dezembro passado.

O último artigo discute como a classe operária deve responder aos desafios da guerra no momento em que Putin decide destruir a distribuição de energia em todo o país, a oligarquia capitalista prioriza seus lucros, e faltam armamentos para realizar uma ofensiva final contra os invasores.

Todos os artigos analisam os fatos desde o ponto de vista da classe operária ucraniana e internacional. A classe operária ucraniana e a população pobre encontrará nesta página a defesa intransigente de seus direitos contra Putin, a oligarquia ucraniana representada pelo governo Zelensky e a hipocrisia das potências imperialistas ocidentais que querem negociar com Putin a divisão da Ucrânia através do traiçoeiro mecanismo das negociações de paz.

Também explicaremos por que Putin acusou Lenin e os bolcheviques de “criarem” a Ucrânia. Difundiremos as posições de Vladimir Lenin e Leon Trotsky pela defesa do direito de autodeterminação do povo ucraniano contra Joseph Stalin, que usurpou o direito de autodeterminação do povo ucraniano e promoveu a grande fome nos anos 30.

Esperamos que, através desta página, superemos as barreiras linguísticas e plantemos as sementes para a construção de uma organização revolucionária de operários e operárias ucranianas para liderar a luta pela libertação nacional e emancipação social contra o capitalismo, em unidade com a classe trabalhadora internacional.

Trabalhadores e trabalhadoras de todos os países, uni-vos!

Conheça o site da LIT-QI em ucraniano:https://litci.org/ua/

Confira nossos outros conteúdos

Artigos mais populares