sáb abr 20, 2024
sábado, abril 20, 2024

Alto à repressão do governo Boluarte e o Congresso!

Todo apoio à luta dos trabalhadores e do povo peruano!

Suspensão imediata do envio de armas e material antidistúrbios para o Peru!

Depois da fracassada tentativa de golpe de Pedro Castillo, desde dezembro a classe trabalhadora e o povo peruano se mobilizam contra o governo assassino de Dina Boluarte. Essas mobilizações, protagonizadas por trabalhadores do campo e da cidade, constituem também uma verdadeira rebelião popular contra os enormes níveis de desigualdade social, desemprego, salários miseráveis, empobrecimento generalizado e fome.

Por: Corriente Roja / Estado Espanhol

Boluarte desencadeou uma repressão desenfreada contra os manifestantes. Tanto que nos primeiros dias de seu governo morreram mais de 50 pessoas, além de dezenas de feridos/as e centenas de detidos/as pela mobilização. Uma forma de proceder que lembra demais a repressão da ditadura de Fujimori nos anos 1990. A violência da polícia e das Forças Armadas está a serviço de um governo que os patrões e as grandes multinacionais têm em suas mãos.

É evidente que sem sair à luta não há possibilidade de satisfazer as justas reivindicações do povo peruano.

Corriente Roja expressa nossa total e incondicional solidariedade e apoio à luta dos trabalhadores e do povo peruano contra o governo de Boluarte. Também nos unimos à exigência de que o governo Pedro Sánchez suspenda imediatamente a venda de armas e material antidistúrbios ao Peru. Convocamos as organizações sociais, políticas, populares e sindicais a se unirem a este pedido e às manifestações de solidariedade internacionalista até acabar com o governo assassino e patronal de Boluarte.

Confira nossos outros conteúdos

Artigos mais populares