COMPARTILHAR
Reunir todas nossas forças para auxiliar nossos irmãos afetados!
 
A Regional de Chiba do Sindicato Nacional dos Ferroviários (Doro-Chiba) decidiu na reunião de seu comitê executivo em 15 de março estabelecer um Centro de Ajuda às pessoas atingidas pelo terremoto, juntamente com a Coordenação Nacional dos Sindicatos (NCCLU), em funcionamento na sede do NCCLU. Decidiu-se também montar um centro de ajuda no próprio local da tragédia.
 
Todas as estradas principais da região de Kanto para a região de Tohoku estão atualmente bloqueadas pelas Forças de Defesa e o transporte de bens de socorro é dificultado. O caminho mais curto possível para a região afetada é através de Niigata. A criação de um centro de ajuda em Niigata é o meio mais viável para o transporte e distribuição de materiais.
 
Um relatório da cidade de Sendai nos diz que alimentos, água e gasolina estão completamente em falta e não somente na área da costa severamente atingida, mas também em todas as regiões do estado de Miyagi. A situação atual é muito grave.
 
O governo de Kan é totalmente incapaz de enfrentar a situação
 
Dezenas e centenas de milhares de pessoas afetadas pelo terremoto estão sendo abandonadas e mortas pelo governo Kan, que mostra ser totalmente incapaz de lidar com a grave situação. A política governamental é devastadora. Cinco dias depois do terremoto ainda não há fornecimento de produtos absolutamente necessários: água, alimentos, medicamentos, combustíveis, cobertores, etc. nos locais mais atingidos. A administração Kan, no entanto, proíbe todo o transporte e distribuição de produtos de socorro, sob o pretexto de "evitar confusão". O que o governo está fazendo não é trabalho de resgate, mas reforço do controle da ordem social e do estabelecimento de um sistema de mobilização nacional. Se as coisas continuarem assim, as pessoas que escaparam por pouco da morte estarão impiedosamente expostas ao frio e à fome. É absolutamente vital organizar o trabalho independente de socorro pelos próprios trabalhadores.
 
Fazer tudo para evitar uma catástrofe!
 
Outro ponto grave, milhões de pessoas estão ameaçados pelo perigo de serem expostas a altos níveis de radiação devido ao vazamento dos reatores atingidos. O "mito da segurança" terminou infelizmente em repetidas explosões de quatro reatores nucleares, que ficaram completamente fora de controle. Mesmo neste momento de agravamento da situação, o governo, a Agência de Segurança Industrial e Nuclear e a Empresa de Energia Elétrica de Tóquio (TEPCO) continuam escondendo o que realmente está acontecendo. É urgente que se tomem todas as medidas necessárias para impedir a fusão nuclear e evitar uma catástrofe, mas suas ações são sempre tardias para alterar a situação. Eles se recusam a dar informações, excetuando-se os fatos que já são conhecidos por todos. Exigimos que o governo divulgue todas as informações sobre o desenrolar das ações e aceite toda ajuda possível de especialistas competentes, incluindo adversários nucleares. Deve-se tomar medidas imediatas para fornecer abrigo seguro para todos os moradores!
 
Não permitir as demissões sob o pretexto do terremoto!
 
A maior catástrofe causada pelo grande terremoto no leste do Japão é, em sua essência, um resultado inevitável do neoliberalismo, que reduziu a capacidade administrativa para enfrentar a crise através da sua prática caótica durante um quarto de século, desde a divisão e privatização do Sistema Nacional de Ferrovias: o desmantelamento da autonomia local, a falência das finanças locais, a destruição da infraestrutura estatal através da privatização, a redução ilimitada do número de trabalhadores do serviço público, e assim por diante. O terremoto atingiu severamente regiões que foram abandonados durante estes desenvolvimentos. A classe dominante está agora preparando um ataque total contra a classe trabalhadora para provocar uma drástica mudança reacionária: demissão em massa, corte salarial impiedoso e um desemprego em grande escala.
 
Precisamos reagir a esta ofensiva para sobreviver.
Vamos organizar o trabalho de socorro com a força dos trabalhadores unidos!
Envie produtos e doações e auxílio para o seguinte endereço:
 
People’s Earthquake Relief Center
c/o National Coordinating Center of Labor Unions
Gohodo- Ito bldg. 5th Floor,
2-4-10 Moto-Asakusa, Daito-ku, Tokyo, Zip Code 111-0041, Japan
Tel.: +81-03-3845-7461
Fax: +81-03-3845-7463
16 de março de 2011
 
*Regional de Chiba do Sindicato Nacional dos Ferroviários
 
Nota:
Doro-Chiba, sindicato japonês de ferroviários que esteve presente no Congresso da CSP-Conlutas em 2010