COMPARTILHAR

Incansável companheira de luta, militante da Liga Internacional dos Trabalhadores. A maior parte de sua vida esteve ligada à luta e à construção da corrente morenista.

Desde jovem professora em Quilmes, ela abraçou a construção do PST argentino e depois militou nas regionais de Tucumán e Córdoba do velho MAS.

Lutou contra o revisionismo e reconstruiu a seção argentina da LIT na década de 1990.

Era um dos nossos quadros mais firmes e determinados, comparável aos “velhos bolcheviques”, incansável na luta pela revolução socialista. Sempre se dedicou à luta de classes e à política revolucionária, estava sempre disposta a responder quando o partido precisava dela.

Embora nos últimos anos estivesse longe da militância diária, sempre permaneceu, até os últimos dias, colaborando com o PSTU argentino e a LIT.

Além de tudo, é reconhecida como amiga, solidária, mãe e companheira. Sentiremos muita sua falta.

Por isso que Graciella, SEMPRE ESTARÁ PRESENTE conosco.

Secretariado Internacional da Liga Internacional dos Trabalhadores – Quarta Internacional.